Campanha “IDB Alimentação Saudável” integra as 17 metas globais da ONU

banner 6O IDB, por ser uma Escola global, tem uma preocupação especial com o mundo. Acreditamos que precisamos tomar medidas efetivas para a promoção da Cidadania Global, e foi por pensar assim que escolhemos esse tema para ser trabalhado durante todo este ano. Também estamos focados em cumprir as 17 Metas Globais da ONU, que já estão sendo implantadas na Escola. Uma delas, a meta 3, “Saúde de qualidade”, está inserida em nossa campanha “IDB Alimentação Saudável”.

De acordo com a ONU, o objetivo da meta 3 é “assegurar uma vida saudável e promover o bem-estar para todos, em todas as idades”. Até 2030, a ONU tem o objetivo de reduzir em um terço a mortalidade prematura por doenças não transmissíveis via prevenção e tratamento, e promover a saúde mental e o bem-estar. Assim como reforçar a capacidade de todos os países, particularmente os países em desenvolvimento, para o alerta precoce, redução de riscos e gerenciamento de riscos nacionais e globais de saúde.

Desta maneira, para garantir uma boa saúde, alimentar-se de forma adequada e saudável é fundamental. A alimentação saudável pode prevenir muitas doenças, tais como anemia, desnutrição, obesidade, além de diminuir os riscos de infecções e auxiliar no bom desenvolvimento físico e mental dos indivíduos. A dieta ideal é aquela que fornece todos os nutrientes necessários para o funcionamento perfeito do organismo.

A qualidade dos alimentos não pode ser deixada de lado, pois dar preferência a alimentos naturais sem adição de substâncias químicas, como agrotóxicos e outros aditivos, pode ajudar na prevenção de doenças. Uma alimentação saudável não é composta somente por frutas e verduras, já que devemos comer de forma variada os alimentos de todos os grupos – carboidratos, verduras e frutas, leguminosas, proteínas, leite e derivados, açúcares e gorduras.

A obesidade, por exemplo, é uma doença que pode ocasionar várias outras complicações, tanto físicas como psicológicas. Os efeitos ruins da obesidade estão atingindo o homem sem fazer diferença de idade, ou seja, o número de crianças, adultos e idosos com sobrepeso e obesidade está cada vez maior no mundo todo. O excesso de gordura corporal, que caracteriza a obesidade, na maioria das vezes é proveniente de uma ingestão calórica diária superior ao gasto de energia do indivíduo. A combinação de hábitos alimentares saudáveis com a prática de atividade física é fundamental para a manutenção do peso saudável, redução do risco de doenças e  melhoria na qualidade de vida.

Ter uma alimentação saudável pode trazer uma série de benefícios, pois o fornecimento de todos os nutrientes em quantidades adequadas é essencial para a manutenção do peso saudável. Uma alimentação saudável aumenta a disposição para realização atividades intelectuais, tanto na escola, proporcionar melhor aprendizado, como no trabalho, melhorando o desempenho do trabalhador. Além disso, pesquisas indicam que alguns compostos presentes naturalmente nos alimentos, são capazes de reduzir o risco de desenvolver várias doenças graves, tais como cânceres e doenças do coração. Os alimentos que possuem tal característica são denominados de alimentos funcionais, e deve ficar bem claro que esses alimentos não curam as doenças, mas são capazes de reduzir o risco de desenvolvê-los.

Só quem ganha com uma alimentação saudável somos nós e é nossa tarefa implantar, juntamente com a família e com os alunos, este hábito, sempre defendendo que comer bem, faz bem!