Dia Nacional do Sistema Braille

braileEm vigor desde 2010, o dia 08 de abril foi escolhido para comemorarmos o dia Nacional do Sistema Braille. A escolha é uma homenagem ao dia de nascimento do primeiro professor cego brasileiro, José Álvares de Azevedo.

Nascido em 1834, com deficiência visual, José Álvares foi enviado para a Europa aos 10 anos de idade para estudar no Instituto Real dos Jovens Cegos, em Paris. De volta ao Brasil, passou a ensinar e difundir o método por todo o país. Como consequência, José Álvares de Azevedo recebeu o título honorífico de “Patrono da Educação dos Cegos no Brasil”.

O Sistema Braille, desenvolvido como um sistema de leitura e de escrita para cegos, foi criado no ano de 1827, pelo francês Louis Braille, que perdeu a visão aos 3 anos de idade. Braille apresentou a primeira versão do seu sistema de escrita e leitura com pontos em relevo para a utilização do deficiente visual, em 1825.

O Sistema é baseado na combinação de 6 pontos, dispostos em duas colunas de 3 pontos, que permite a formação de 63 caracteres diferentes que representam as letras do alfabeto, números, simbologia aritmética, fonética, musicográfica e informática. O Braille tornou-se um sistema popular. É bastante eficaz e facilmente adaptável como meio de comunicação.

A data de hoje, 08, propõe que as pessoas se conscientizem sobre a importância das políticas públicas para inclusão das pessoas cegas no sistema educacional do Brasil e reflitam acerca da empregabilidade de mecanismos que favoreçam o desenvolvimento profissional e social das pessoas cegas ou daquelas que possuem pouca visão.

Paz e Bem!